11.1 Doação de sangue e Plaquetas

Doação de sangue: 

Atendimento de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h (exceto feriados).

Estamos trabalhando com agendamento de doações. Consulte-nos! 

Mais informações pelo telefone: (41)3360-1875 ou diretamente no Biobanco do Complexo HC da UFPR.

> Prédio do Biobanco - Rua Agostinho de Leão Júnior, 108/esquina do HC (General Carneiro) - Alto da Glória - Curitiba/PR.

* Agendamento para grupos de mais de 10 doadores no mesmo horário ou dúvidas sobre as condições de saúde, com as enfermeiras Lidia,Sonia, Kely ou Layara.

"Capacidade máxima de atendimento diário: 40 doadores"

 


  • > Requisitos para ser um doador de sangue são*:

 Ter Idade: entre 16 e 69 anos, sendo que:
 Pessoas  de 16 até 18 anos incompletos podem doar  acompanhados do responsável legal, pai ou mãe.
  Após idade de 60 anos até  68 anos e 11 meses e 29 dias (somente quando  já é doador de sangue).

 Pesar mais de 50 kg.

 Ser sadio. 

 Apresentar um documento de identidade com foto. 

* Conforme portaria 2712 de 12/11/2013 do Ministério da Saúde.

 


Doação de plaquetas:

Segunda à Sexta- das 7h30 às 17h30.

Sábado não é realizado a pré-aferese (o teste para doação de plaquetas).

 

> Prédio Central do Hospital de Clínicas: Rua General Carneiro, 181  - 2º andar


Nosso sangue é composto de quatro partes: as hemácias, as plaquetas, o plasma e o crioprecipitado.
As plaquetas têm função de evitar sangramentos. Em uma doação de sangue normal, consegue-se uma pequena quantidade de plaquetas. 
Em uma doação apenas de plaquetas através da máquina aférese, consegue-se de 10 a 20 vezes mais.

 

As plaquetas são usadas principalmente em transplantes de medula óssea, tratamentos de leucemia, anemia plástica e quimioterapia.
  • > Requisitos para ser um doador de plaquetas são:
• Ter entre 16 (até 18, acompanhado de um responsável) e 65 anos e mais de 50kg;
• Não ter tomado medicamentos nos últimos 3 dias;
• Não ter ingerido bebidas alcoólicas nas ultimas 12 horas;
• Não ter se alimentado de comida gordurosa nas ultimas 24 horas
• Ter boas veias em ambos os braços.

  • > Etapas de doação:
1. É feito o mesmo questionário utilizado da doação de sangue normal;
2. São realizados alguns exames de sangue;
3. Estando em condições para doar, você será encaminhado a máquina de aférese.
O sangue é retirado por um braço, a maquina separa as plaquetas e devolve o restante. A coleta dura aproximadamente 1 hora e meia.
O material utilizado não tem contato com a máquina, é individual e totalmente descartável.
A reação mais comum na doação é um leve formigamento ao redor da boca e um gosto metálico decorrente do uso de anticoagulantes.
O doador recupera as plaquetas entre 2 e 3 dias. Ele pode doar até duas vezes por semana, sendo permitidas no Maximo 24 doações por ano.